#25 – LCI e Fundos imobiliários, prós e contras.

fundos x lci   No mercado financeiro podemos encontrar um investimento com lastro em imóveis e isenção de IR, são as letras de credito imobiliárias (LCI). A LCI,  além de ter a vantagem tributaria, possui garantia do FGC de até 250.000,00 por instituição financeira. O rendimentos das letras é geralmente indexada ao CDI, tornando o investimento muito bom, uma vez que ele não fica fixado e acompanha um índice da economia que está em constante mudança (atualmente uma mudança para cima).

Os fundos imobiliários são fundos com cotas negociadas em bolsa. As cotas dos fundos imobiliários são em grande parte lastreadas em imóveis, e por sua vez esses imóveis são locados ou vendidos, e assim a remuneração é distribuída aos cotistas. A distribuição também em grande parte acontece mensalmente, e liquida de IR. A garantia dos fundos imobiliários está vinculado ao próprio imóvel. A vantagem dos fundos é a possibilidade de valorização do imóvel e consequentemente valorização da cota no mercado. Aumento do aluguel é outra vantagem, uma vez, que em quase em sua maioria, os fundos possuem política de aumento de seus alugueis seguindo os principais indicadores da inflação: IPCA e o IGP-M, assim, gerando uma maior distribuição.

Observando as diferenças dos dois tipos de investimentos, podemos dizer que atualmente a LCI seria a melhor escolha para realizar um investimento. As letras tem a garantia do FGC, a remuneração geralmente é atrelada ao CDI, que está na casa dos 12% ao ano, sem falar que é isento de IR, e dependendo da instituição que você investir, um exemplo a Orama, você não tem custo para manter as letras.

Os fundos imobiliários são negociados em bolsa, então você precisa pagar a custodia, que é algo em torno de 10 reais ao mês, para comprar as cotas, você precisa pagar uma corretagem, algo em torno de 15 reais a ordem. Além disso, você fica a mercê do mercado, que pode tanto valorizar as cotas, como pode desvalorizar elas. Outro problema é relacionado a remuneração que os fundos podem vir a distribuir, caso o locatário saia do fundo, o mesmo não vai mais conseguir distribuir rendimentos até encontrar um novo locatário.

Sendo assim a uma boa vantagem nas letras, até porque diariamente você vai poder ver as letras se valorizando. Já os fundos acabam ficando inerentes ao mercado, tornando um investimento com uma boa perspectiva no longo prazo.

Atualmente existe uma boa chance das letras perderem a isenção de IR, assim poderá vir a ter uma saída dos investimentos em letras, e uma boa entrada no mercado de fundos imobiliários. O que traria maior liquidez e consequentemente tornaria o mercado mais vantajoso.

Anúncios

2 thoughts on “#25 – LCI e Fundos imobiliários, prós e contras.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s